Inside my…

Rhymes with vibes

Month: May, 2016

IMProvisation without meaning or reason, just to relax my imagination

I try to stand firm into soil
even when gravity fails
and our feet can’t touch the floor
so let’s watch from above, like a gargoyle
the perfect voyeur, with long nails
spiked deep into a building so tall like a dream
made of flesh and bones
and from above, you can touch the clouds
and try to explain why the angels stay away, walking around
and why demons stay free to touch us and rip our will
details, details, details
demon lives in details, like a rose with beautiful petals
you forgot to watch out the thorns, now you are bleeding
bleed to purify, but who can say how pure we are?
how many lives you need bleed to purify?
and the gravity still out of work
this sensation is like eat a soup with a fork

Maybe it’s better stop to listen Tricky
before sleep and dream about it
this should be a candy flip
but this improvisation is about a process of rethink
rhymes about crazy looped dreams
where I fly away, watching from above
how deep are our sins and a lot of open coffins

Advertisements

Mudar =)

E se algo eu pudesse mudar
seria a frequência com que posso te beijar
abraçar e me declarar
minha cama deixar de ser egoísta
poder chamar de nossa
acordar numa quarta-feira
e sorrir por que tu esta aqui, do meu lado
levantarmos meio que atrasados
mas sorrindo e correndo, logo resolvemos
o que a noite iremos jantar
faço alguma piada sem graça
só pra aliviar a culpa do atraso
e logo cedo me encantar, com tua risada

Para longe, mas fique por perto

Ela é dona de um sorriso
aquele sorriso mais que lindo
que me seduz e conforta
que para longe me transporta
e eu encaro como convite
para puxa-la pra perto
beijar e abraçar
pedindo que o tempo demore a passar…

Musa

Ela é como um farol
Me guia para sair da escuridão
Me ajuda a não me perder num mar agitado
Não há onda que me quebre ou me desvie da satisfação
Que é encontrar a paz nos braços dessa que me faz sorrir e sentir-me amado

Ela é como a lua
Que ilumina a noite mais escura
Acalma a madrugada, traz a ruptura
Do desespero de um pesadelo, desperto em desespero
Mas que encontra alento
Quando do sorriso dela me lembro

Ela é a paz que vem do silêncio
De quando encarado me sinto completo
Quando nossos lábios se tocam
E conversamos sem palavras
Deixamos os corações recitando poemas
Que nem mesmo em mil anos
Serei capaz de traduzir em linhas e rimas

Ela torna fácil o que parecia complicado
Traz pra perto o que parecia distante
Muda todo o significado
De ser amado e deixar de ser ignorado
Ela é o motivo da primeira até a última linha
Do poema que eu quero vivênciar, dia a dia
Rimando sobre amor e paixão, não sobre dor e agonia
Ela é minha menina, minha razão, minha melhor rima
Para a poesia que se tornou linda

Pensando

E sempre que te deixo em casa
existe um conflito entre o sorriso e a lágrima
a tristeza por te ver partir
mas a alegria de poder sorrir
pois com meu amor estive

E quando fico sabendo
que logo vou te ver, que tu vens
lembro do teu cheiro, lembro do teu abraço
e de como é fácil
sentir-me por cima das nuvens

Sem medo

Acordo de um pesadelo
E é logo nela em quem eu penso
Para acalmar as ideias
Recuperar o fôlego, tomar tento
Fecho os olhos e logo lembro
Que nos braços dela, me sinto completo
E que posso sonhar, mesmo desperto
Não há mal que chegue perto
E sorrindo, relembro
Que não preciso apenas lembrar
Pois logo irei te encontrar

Fire

It’s dark
and the room is filled by the sound of my heart
he have so many stories to tell
about how you make me feel

You are the fire that don’t stop to burn
this you already know
when you sleep, I sing some songs

And my heart already told
that when you gave me your kiss, when I felt your touch
you burned me inside, destroyed all that damn cold

Discover

I want to meet London
walk through streets
meet where Beatles and Rolling Stones
take some beers,
play and create some of their music
listen Oasis in a old pub
with you, holding my hand
bringing the sun with your smile
go to Paris
without care about speak french
I want it
I want it and a lot more
Maybe Baltimore
where Poe rest in peace
South America, Canada, Tokyo or Singapore
J, with you
I want discover every place
that I only dreamed like a distant poem

 

 

(as always… inspired by my love, Jackie)

Us

There’s no loneliness
When I feel so blessed
When I remember your kindness
Of lay down my head in your chest
Playing with my beard and my hair
Singing a song directly from your heart
Calming my soul
Healing my wounds
And proved me wrong
About the end of truly love
That kind of, so pure
That we don’t believe that exist
Out of poems and romantic movies

Sono desfeito

Meus olhos se fecham
E as rimas despertam
Não há sentido em dizer
Que preferiria nada escrever
Mas sim poder sonhar
Com aquele lugar
Onde não há como sofrer
Mas cá estou
Entre o sono desfeito
E a necessidade de escrever
Para quem sabe calar
A necessidade de rimar
E a nenhum lugar chegar