Inside my…

Rhymes with vibes

Month: December, 2014

Brit Hop…?

Definitivamente, não sei como “rotular” minha mais nova criação… Tive a ideia dos efeitos ouvindo Skrillex, mas as “quebradas” e ritmo veio do clássico “Music For The Jilted Generation” do The Prodigy, que é sem dúvida uma influencia constante nas minhas criações. Não sei por que, mas sempre que trabalhei nessa música eu estava com a mente em Silent Hill, jogo de survival horror da Konami, que é também outra fonte de inspiração para minhas criações. Enfim, espero que apreciem. Sugiro ouvir com fones de ouvido, alguns ruídos só são perceptíveis com o uso dos fones.

Definitely not know how to “tag ” my latest creation … I had the idea of listening to Skrillex effects , but the ” broken ” and rhythm came from the classic ” Music For The Jilted Generation ” by The Prodigy , which is undoubtedly an influence constant in my creations . I do not know why, but whenever I worked on that song I was with the mind in Silent Hill survival horror game from Konami , which is also another source of inspiration for my creations . Anyway, hope you enjoy . I suggest listening with headphones , some noises are seen only with the use of headphones .

Cold touch / Toque Frio

Sopra o vento frio
para muito longe minha alma
rasgando e comendo os meus pecados
demônios andando dentro de minha pele
uma maquina fria toca meu pulso
ela sorri enquanto me vê desvanecer
é minha ultima chance
ou apenas mais um dia?

The cold wind blows
far away my soul
ripping and eating my sins
demons walking inside my skin
a cold machine touches my wrist
she smiles as she sees me fade
is my last chance
or just another day?

Loose / Soltas…

AlonEvil – Loose

Weigh , not think
modestly humble
In order to be considered weak
Questioning performed,, never answered
Bitter sense of decline
Lack of, for other not in excess of
A totally inert moment, quiet
Solitaire, an argument
Never said, always reproved
To stop being, never in fact being
Insignificantly fit for made
Would make all the difference if it were said?
Humbly crushed, ignored, left out
Always thoughtful, never definitely used
Arguments, concepts, prejudices
Sensible, thought, spoken
Useless, solvable, bitter
Played, heard, spewed
Insurance, immature, soluçados
Ignored, however, always taken
To the side of those who once took seriously
the individual words of a dreamer eyes open. “

AlonEvil – Soltas
“Pesar, não pensar
Modestamente humilde
De forma a ser considerado fraco
Questionamentos feitos, nunca respondidos
Amargo declínio de senso
Falta de, por demais em excesso de não ter
Um momento totalmente inerte, quieto
Solitário, um argumento
Nunca dito, sempre repreendido
Para deixar de estar, nunca esteve de fato
Insignificantemente apto para o feito
Faria toda a diferença se fosse dito?
Humildemente esmagado, ignorado, deixado de lado
Sempre ponderado, nunca definitivamente usado
Argumentos, conceitos, preconceitos
Sensatos, pensados, falados
Inúteis, solucionáveis, amargos
Jogados, escutados, vomitados
Seguros, imaturos, soluçados
Ignorados, porém, sempre levados
Para o lado de quem um dia levou a sério
As palavras soltas de um sonhador de olhos abertos.”

O preço / The price (letra/poema/ideia/lyric/poem/idea)

Venerado por mortos
eu possuo meu próprio reinado
envolto de cinzas
eu me encontro com a morte
minha maior aliada
é tambem meu maior pesadelo

Sozinho
desesperado
Abandonado
sangrando

Sufocado pelas minhas próprias mãos
estou fazendo um favor
terminar com esse erro
lamentos não serão ecoados
pois não há ninguem para ouvir
minhas suplicas por perdão

Sozinho
desesperado
Abandonado
sangrando

Envolto pela escuridão
estarei morto ou apenas abandonado?
o cheiro é nulo
e tudo que tenho
é a mim mesmo
não sinto frio
não sinto calor
apenas um sofrimento constante

Sozinho
desesperado
Abandonado
sangrando

Eu posso escutar batidas fracas
um ritmo fraco, sem cantoria
será a música dos derrotados
ou meu coração se entregando?
Quem se importa?
morrendo sangrando sozinho
Meu destino veio cobrar seu preço
e eu não posso pagar

***************************************

Revered by dead
I own my own reign
surrounded of ash
I meet death
my greatest ally
is also my biggest nightmare

alone
hopeless
abandoned
bleeding

Suffocated by my own hands
I’m doing a favor
end with this error
lamentations will not be echoed
for there is no one to listen
my supplications for forgiveness

alone
hopeless
abandoned
bleeding

Surrounded by the darkness
I’ll be dead or just abandoned?
the smell is null
and everything I have
is myself
do not feel cold
do not feel heat
just a constant suffering

alone
hopeless
abandoned
bleeding

I can hear weak beats
a weak pace without singing
will be the music of the defeated
or surrendering of my heart?
Who cares?
bleeding dying alone
My destiny has come for their price
and I can not afford

alone
hopeless
abandoned
bleeding

A Teoria Pixar!JUDÃO

http://www.judao.com.br/8/cinema/a-teoria-pixar/#.VJr99pgAKA

My soundcloud page

BREATH / RESPIRA (NEW MUSIC)

breathe Respire
there is a reason for everything existe um motivo pra tudo
breathe respire
the pain soon pass a dor logo passará
SCREAM GRITE
your enemies are already due seus inimigos já estão vencidos

The breath should not be fed by rumors O suspiro não deve ser alimentado por rumores
lies are the poison that feeds your ruin mentiras são o veneno que alimenta a tua ruina
remain inert to all who insult you is a gift permanecer inerte a tudo que te afronta é uma dádiva

a cloud can be shelter from the sun uma nuvem pode ser o abrigo do sol
or the hideout of a storm ou o esconderijo de uma tempestade
never perish, never look down nunca pereça, nunca desdenhe
all we have to fight, all deserved to win todos temos de lutar, todos merecemos vencer

breathe Respire
there is a reason for everything existe um motivo pra tudo
breathe respire
the pain soon pass a dor logo passará
SCREAM GRITE
your enemies are already due seus inimigos já estão vencidos

Never Alone / Nunca sozinho

Never Alone

always seems so distant
your voice and your deeds
i’ve been blind for many years
dark valleys full of thorns

have tore my skin
and make me scream
and only after much suffering
i’m able to see, you always been here
remained blind for years
but your light does not blind me
i can feel your strength
never lost, never alone

my sins
make in me this scars
but you teach me
not to punish me
only to remember
that now i’m not alone
anymore
never alone

Never Alone

sempre parece tão distante
sua voz e suas obras
eu estive cego por muitos anos
vales escuros cheios de espinhos

já rasgou a minha pele
e me faz gritar
e só depois de muito sofrimento
eu sou capaz de ver, você sempre esteve aqui
permaneceu cego há anos
mas a sua luz não me cega
eu posso sentir a sua força
nunca perdido, nunca sozinho

meus pecados
fizeram em mim estas cicatrizes
mas você me ensinou
Que não era pra me punir
Basta lembrar
que agora eu não estou mais sozinho
nunca está sozinho

This letter is my testimony, my revelation that I could count on God, is the way it was. I used this song in my last band, Yoshua, but unfortunately not yet recorded.

Essa letra representa meu testemunho, minha revelação de que eu podia contar com Deus, seja da forma que fosse. Utilizei essa música em minha última banda, Yoshua, mas infelizmente ainda não a gravamos.

E ela se foi / and she leaves

Ela estava aqui
e seu perfume ainda me entorpece
suas palavras puras me seduziram
perdi minha consciencia
e tudo pareceu escurecer
uma escuridão eterna, como seus olhos
seus profundos olhos
profanos olhos
como a chama que dança
ela me seduziu para um sem fim de paz e quietude
mas o ar tambem estava por acabar
e tudo que restou foi o desespero
a ansia por um respirar
envolta de meu pescoço não estão mais suas mãos
mais sim a corda
e tudo que consigo ver é a carta
assinada em sangue…

She was here
and her perfume still numbs me
its pure words seduced me
I lost my consciousness
and everything seemed dark
an eternal darkness, as your eyes
her deep eyes
profane eyes
as the flame dancing
she seduced me to no end of peace and quiet
but the air was also unfinished
and all that was left was the despair
the longing for a breath
wrapped my neck are no longer your hands
but rather the rope
and all I can see is the letter
signed in blood …